Declaração Cafeana

10 Comments


Eis uma excelente notícia para quem sofre de alguma incontinência urinária: a Fundação SOS Mata Atlântica, uma das mais importantes ONG de defesa do ambiente do Brasil, lançou na passada sexta-feira uma campanha publicitária inédita para poupar água, estimulando as pessoas a urinar durante o banho.

Dessa forma, pretende-se mobilizar as pessoas para a importância da preservação do ambiente e mostrar que uma descarga a menos por dia equivale a 4.380 litros de água potável por ano. "Queremos chamar a atenção para uma questão importante como a da preservação ambiental e decidimos fazer uma brincadeira séria", disse o director da organização, Mário Mantovani. O responsável salientou que a campanha publicitária "Xixi no Banho" pretende mostrar, de maneira mais descontraída, como um simples acto pode contribuir com a preservação do ambiente.

"Vamos mostrar que quem não faz nada (pela preservação do ambiente), pelo menos, que faça xixi no banho", salientou. Somente em São Paulo, a maior cidade brasileira, o hábito de urinar no banho pode poupar mais de 1.500 litros de água por segundo. A campanha sublinha que o acto é higiénico e não transmite doenças, uma vez que a urina é composta por 95 por cento de água e 5 por cento de outras substâncias como ureia e sal.

Desde que não seja num local público, como uma piscina ou um balniário colectivo, não vejo nenhum mal. Para os homens é um descanso, porque já não se coloca a obrigatoriedade de subir o tampo da sanita nem precisamos de fazer mira para acertar na sanita! Xixi no banho, pois! (Agora que está provado que é politicamente correcto, vá lá, confessem que nunca fizeram xixi enquanto tomavam banho! Pois.... mentirosos!)





You may also like

10 comentários:

Lily disse...

Banho single, ok!
Num banho a dois é assim "a modos" que um pouco estranho...
Vamos primeiro à mijinha... agora que fomos ecológicos, vamos ser românticos!
É capaz de ser uma questão de hábito... (ups, ou não?!)

Felina disse...

e os que tomam banho de banheira ?

João Branco disse...

Lily, uma coisa é uma coisa, outra coisa é outra coisa!

Felina, nunca ouviste dizer que nos banhos de imersão sai-se mais sujo do que quando se estrou? Além de que é um péssimo hábito ambiental...

Anónimo disse...

Há quem não o faça mesmo...Há de convir que cada um há-de ter os seus nojos!!!
Esses porcos... que não triunfem!!!
Já agora, a campanha parece dizer que não há problemas de higiene, mas isso é verdade só se a pessoa em causa não tiver qualquer infecção ( por sinal muito comuns), se assim for já não se pode afirmar tal coisa.

João Branco disse...

Credo, que exagero!

Cuca disse...

Afinal eu sempre me preocupei com o ambiente. EHEH

Elsie disse...

Pensei que fosse um hábito mais comum...

Anónimo disse...

Bem pelo menos uns senhores que vão ao WC e não lavam as mãos passam a fazê-lo, ainda que sem querer...
Bem se diz “ não há porqueza que não ternina em limpeza”

Anónimo disse...

Chuva Doirada !!!!!!!

zito azevedo disse...

Nunca uma simples mijinha deu tanto que falar, incluíndo alguns fundamentalismos à mistura...Posso dar graças a Deus pois xixi e espuma de Lifebuoy foi coisa que nunca recusei à cerimónia do chuveiro matinal e ao fim dos dias de Verão...Aliás, eu sempre ouvi falar que o ruído da água corrente estimula o acto de urinar... Creio, até, que é quase um acto reflexo!
Seja como for, orgulho-me de já ter poupado muitos milhões de litros de água e muito mais tería poupado se me tivesse lembrado de extraír do xixi os 95% de água de que é composto!
P.S.-Não é por acaso que as mamãs utlizam a onomatopeia "Shhh,Shhh" para estimularem o xixi dos pequenitos...
Zito Azevedo