Plágio 29: O Decálogo de Lenine

8 Comments


Descobri, através do blogue brasileiro Metamorfose Digital, um texto de espantosa actualidade, escrito por uma das principais figuras do passado século XX, nada mais nada menos do que o percursor da designada Revolução de Outubro, na Rússia, Vladimir Lenine. Escrito em 1913, é um resumo sucinto sobre que acções tácticas optar para a tomada do Poder. Como está escrito na fonte, é certo que a História já se encarregou de pôr fim à questão ideológica, mas se lermos esta cartilha conscientes do que se passa nos dias de hoje, a semelhança é impressionante.

Eis os conselhos de Lenine, no seu Decálogo, para uma tomada do Poder:

1. Corrompa a juventude e dê-lhe liberdade sexual;
2. Infiltre e depois controle todos os veículos de comunicação de massa;
3. Divida a população em grupos antagónicos, incitando-os a discussões sobre assuntos sociais;
4. Destrua a confiança do povo nos seus líderes;
5. Fale sempre sobre Democracia e em Estado de Direito, mas, logo que haja oportunidade, assuma o Poder sem nenhum escrúpulo;
6. Colabore para o esbanjamento do dinheiro público;
7. coloque em descrédito a imagem do País, especialmente no exterior;
8. provoque o pânico e o desassossego na população por meio da inflação;
9. Promova greves, mesmo ilegais, nas indústrias vitais do País;
10. Promova distúrbios e contribua para que as autoridades constituídas não as coíbam;
11. Contribua para a derrocada dos valores morais, da honestidade e da crença nas promessas dos governantes. Os nossos parlamentares infiltrados nos partidos democráticos devem acusar os não-comunistas, obrigando-os, sem pena de expô-los ao ridículo, a votar somente no que for de interesse da causa socialista;
12. Procure catalogar todos aqueles que possuam armas de fogo, para que elas sejam confiscadas no momento oportuno, tornando impossível qualquer resistência à causa...


Que conclusão tirar de tudo isto?




You may also like

8 comentários:

Anónimo disse...

Escrito em 1913 por Lenine??? lol lol lol Uma olhadela ao contexto histórico faz falta lol lol
Fora isso é um princípio muito conhecido e muito utilizado. Até por estas bandas em que o constante falar mal desproporcionado e por vezes irracional mostra que o tal decálogo foi lido.

Eileen disse...

Que Lenine era brilhante, e que muita gente anda a estudar pelos mesmo livros?

Anónimo disse...

Ah, pois!

Não é que conheça toda a produção ideológica do Vladimir Illitch, mas NUNCA li ou ouvi falar de semelhante texto, nem sequer aquando dos fervores revolucionários de 1974/1975.

E o seu apócrifo autor poderia acrescentar:

13. Crie paraísos fiscais em "offshores" incontroláveis para branquear dinheiro "sujo".
14. Crie fundos de alto risco e venda-os como aplicações seguras das poupanças.
15. Force a especulação nas Bolsas mundiais até que elas se afundem.
16. Roube, aldrabe, vigarize, de forma cada vez mais descarada.
17. Venda a alma por petróleo.
18. Invada todos os países que puder, ainda que com justificações mentirosas.
19. Não se coíba de utilizar napalm ou materiais quejandos.
20. Despreze, em absoluto, a vida humana, se esta atrapalhar os seus interesses económicos.

E mais não digo!

a) RB, anónimo por obrigação

João Branco disse...

RB, via Google és capaz de encontrar algo sobre isto... Abraço!

Perséfone Hades disse...

E qualquer semelhança... NÃO é pura coincidência...

b disse...

Diria, e que tal passar à prática..hum?

b disse...

(prática no que diz resultado ao "next step", claro)

João Branco disse...

Nem mais, Perséfone!

b, já está, há muito. E não é por nós...