Petição Cafeana: o balanço

46 Comments


A petição promovida nestes dias a favor de Jampa foi encerrada, como prometido, ontem, às 24 horas. Algumas notas rápidas sobre os acontecimentos dos últimos dias:

1. Este assunto, tendo começado nalguns comentários e continuado na publicação desta Declaração Cafeana, gerou uma onda de participação que me apanhou completamente desprevenido.

2. Ao contrário do que acontece em quase todos os outros assuntos ou polémicas que vão aparecendo em Cabo Verde, desta vez ninguém falou de verdes ou amarelos, nem de Norte ou Sul, mas apenas em mais e melhor justiça, personificada numa personalidade que, como se viu, tem uma admiração profunda de alguma sociedade civil.

3. A meta das mil assinaturas foi quase atingida, 941 para ser mais exacto, o que é um número significativo numa petição que esteve online apenas durante 3 1/2 dias (desde o dia 02 de Dezembro da tarde até ao final do dia 05 de Dezembro).

4, Como prometi, farei uma compilação dos textos e comentários escritos sobre o Vital Moeda publicados neste blogue, assim como a lista de assinantes desta petição simbólica e farei chegar estes dados ao Parlamento, Ministra da Justiça e comunicação social.

5. De realçar um aspecto, porque foi comentado: a entregue dos dados referentes a esta iniciativa à Ministra da Justiça não tem a ver com o facto de não sabermos que o poder judicial é independente do poder político, mas sim com com o facto de muitas das queixas e denúncias feitas pelos magistrados, nomeadamente a melhoria de condições para uma aplicação mais eficiente da justiça em Cabo Verde depender, também, da aplicação da política do Governo.

6. Para quem quiser consultar a lista de assinaturas, pode fazê-lo aqui. Quem quiser continuar afirmando que se a nossa justiça perder valores como este, não tem grande problema, porque "atrás vem gente", pode fazê-lo à vontade e continuar a assobiar para o lado. Entretanto, lendo isto, não posso deixar de sorrir e questionar-me. Andamos todos enganados?


Eu fiz a parte que achei que podia ter feito, apesar de algumas vozes discordantes de que isto não serviu para rigorosamente nada, a não ser, talvez, embaraçar o próprio homenageado. Se foi este caso, peço desde já ao visado as minhas públicas desculpas.

Obrigado a todos pela participação e comentários, contra ou a favor.




You may also like

46 comentários:

MÁRIO V. ALMEIDA disse...

Esta petição é uma verdadeira declaração de princípios, João. Quem se embaraçaria? Pena não ter tido possibilidades de assiná-lo on-line (devido a um engarrafamento). Estou convosco.

Sisi disse...

É bom saber que apesar de tudo, ainda existem pessoas que não cruzam os braços perante casos desses.Mesmo que não dê em nada (espero que não) já valeu muita a pena este movimento.

Aplausos a todos que abraçaram esta causa!!!

Amílcar disse...

É com enorme prazer que constato este exercício de cidadania! Do lado de lá, talvez haja muita gente que não esteja habituada a isso mas ainda vão a tempo de encaixar o conceito. Os meus parabéns aos promotores da iniciativa.

A disse...

Sou uma amiga próxima do Jampa e, só por saber que ele deixou de ler os comentários depois de ter lido de uma amiga em comum, a Túlia, que aqui digo que ele sente muito carinho por todos os que escreveram embora, isto, e é preciso conhece-lo bem neste aspecto, sente-se um pouco triste por não se considerar merecedor disto tudo. Acreditem que ele é excelente pessoa. Sei igualmente que ele não pôde acompanhar bem o movimento todo por se encontrar de turno como igualmente sei que ele ainda não se apercebeu do motivo da petição. O Jampa sente-se impotente em exercer uma magistratura que ele sonhou mas, acredito que ele não vai «deixar o barco« como disse o Presidente da Associação dos Magistrados, pois que, ele ama demasiado isto. Nós que o conhecemos sabemos muito bem disto. E, já agora, ele até pode descobrir-me e mandar-me prender, ele tem perdido muito da sua vida por causa da profissão.Eu vou dizer-lhe que escrevi este comentário, e, desculpem, não é cobardia mas, prefiro apenas assinar «A». Ah, mais uma coisa, ele ama a sua privacidade, e, neste momento muitos devem estar a ve-lo, erradamente, como alguém que carece de publicidade.

solange disse...

Moeda é ORGULHO!Sentido mesmo.

adilson disse...

Pena os nossos jovens do 180.º, estranho, não se entendeu, «ele que saía, há outros jovens com vontade de trabalhar»sic????????? Há outros jovens assim? Que os mostrem já! Sobretudo na Justiça. Eu até os admirava mas, acho que neste particular, estiveram MAU. Então jovens???

ike disse...

Estranho o Presidente de Associação dos magistrados com o «abandonar barco». O que tem feito esta Associação? Não será que é o barco que os está a deitar ao mar? Moeda, todo, mas, TODO o apoio do Mundo. Peço desculpas porque eu e cambada não chegamos a tempo de lá meter pelo menos mais 27 assinaturas de pessoal lá de Santa Maria?Pena pá.

samuel disse...

De facto, não se entendeu aquela indiferença «ele que saía,...» como se ele fosse qualquer um. Na verdade, e o estranho disto é que Moeda deve ter adorado o comentário, e, falo muito a sério lol. Já o Paiva entendo a delicadeza do assunto. Mas, Etson, tudo cool, sem crise, foi a tua opinião e aqui o pessoal respeita e, como disse, se calhar o Moeda gostou do que tu disseste. O problema é se há de factos estes jovens que disseste. Pois que os magistrados neste momento estão todos revoltados com a situação que vivem.

Salim disse...

Só pelo comentário do Jampa no A Semana ("continuo a acreditar que não sou tudo isso que dizem a meu respeito e fico com medo de os desapontar") isto já valeu a pena.

E, concordo com o Adilson. A malta do 180º desiludiu completamente. O Milton Paiva queria discrição (pois claro!). E o Edson Medina fez um comentário lamentável mas esclarecedor.

É que isto tudo põe a nu a fragilidade do Justiça caboverdiana e o grande falhanço dos políticos nesta matéria (e na reforma da Justiça).

O que eles gostariam é que nos só falássemos da moção de confiança (ou desconfiança) que nada mais foi do que um espectáculo ridículo para desviar a nossa atenção dos assuntos prementes.

Dêem aos magistrados as condições que merecem para que a Justiça funcione, e depois venham falar da necessidade de investigação por parte da PGR.

Há tempos foi o "lixo tóxico", agora é "SLN/BPN/BI". Por favor!!! Já estamos fartos de levar com areia nos olhos e ser ludibriados. No ta d'oi na melon!

Bali pela iniciativa, João.

A luta continua.

Familia Évora disse...

Pena, rrrr, só soube agora pelo jornal ASemana da petição!! Mas, já estive com a familia toda em casa do Moeda que nos recebeu como um autêntico gentleman. Ele de facto é único. Acreditem que a humildade é tudo neste Homem. Ninguém que comentou alterou nada de facto do que ele realmente é. Mostra-se um pouco embarassado e sem saber reagir a isto tudo mas, pareceu-me bem. Bem, com receios das expectativas criadas sobre ele, mas, pronto prá luta. João, acredita, não lhe criaste nenhum embaraço. Ele agradece todo o apoio. E, havia mais gente láa cumprimenta-lo e a pedir-lhe para que não saisse do Sal. Olhem, daqui ele não sai não! Muita gente ficou com vontade de votar mas, pelo periodo do tempo e também da possibilidade de divulgar, acho que já foi um recorde. Até porque é um blog de arte justiceiro! Familia Évora de Espargos. Valeu João. Jampa, o jovem excelência do ano!

João Branco disse...

Concordo com o comentário do Salim. E mais não digo, porque, enfim... muito triste!

Teatrakacia disse...

Eu já esperava reacções desse tipo, incompreensível! CV tem que debater cores políticas, a agenda dos partidos. Reclama-se 'para inglês ver' a falta de uma sociedade civil... com a 'figa' por baixo da mesa.
Embora concorde com o princípio da facilidade de 'doutoramento' livre no país, em todas as àreas, criticado por JCFonseca, neste caso concreto falhou redondamente. Vital Moeda não é um 'exemplo' para esta tese, antes pelo contrário.
Tb eu acho que certos comentários terão sido 'exagerados' mas repito o meu comentário inicial, antes da ideia da petição: 'É de Homens como o Vital Moeda que Cabo Verde e a Justiça Cabo-Verdiana precisam. Que se criem as condições para uma cada vez melhor Justiça - para todos - no país!'

paulo disse...

Como jurista que já está na função há mais de trinta anos, que já foi magistrado, digo-o aqui públicamente que, NUNCA apareceu alguém como Moeda e que JAMAIS apareceu alguém que reunisse a sua volta tanto consenso. Eu sei que ele não gosta de unaminidade mas, a verdade é esta. Eu já estive do lado do arguido e ele do Estado mas, garanto, o profissionalismo é ENORME, dá gosto. E, conhecendo o sistema como se encontra digo também que acolhe simpatia de todas as cores politicas deste país - pelo menos de todos que amam de verdade Cabo Verde. Se há jovens capazes de o substituir, meu, ficaria extremamente feliz mas, isto é pura ilusão. Onde estarão? Muitos já se aperceberam da perda desastrosa que ele seria e outros, pura e simplesmente dizem, que há outros jovens com vontade de trabalhar. Não estamos todos? Mas, há que reconhecer com humildade o mérito de Moeda. Que venham mais como ele, mas, que ele fique! Ah, já agora, na magistratura, como já lá estive, sei que neste momento há muitoss que o querem seguir, na saida porque está em causa a sua dignidade de não serem pisados pelo poder executivo do que para o substituir. Sabem quantos passaram no concurso público para magistrados do Ministério Público último? NINGUÉM, ZERO, só negativos - publicado no B.O. Bem, Edson certamente deverá conhecer jovens capazes de o substituir - que os divulgue no próximo 180.E, já agora, se ele não tem seguido a justiça, mais vale ficar calado!Ele que fale da politica. E, ele que saiba que, no mesmo programa, a actual Ministra Janira H.Almada por diversas mencionou o Moeda e, inclusive ela foi a primeira a dizer que deveria, cito «haver um reconhecimento público do seu trabalho». Ela que confirme se disse ou não. Todo C.V está com Moeda porque ele faz a justiça que todos carecemos funcionar. João e Salim, valeu sim a frase humilde de Moeda no ASemana.Mas, nós aqui, em nome dele desculpamos o Edson porque, coitado, não sabia o que estava a dizer.

ramos disse...

Atenção, porque conhecendo Moeda um pouco ele não deve se ter sentido nada triste com o comentário do Edson, nada mesmo, aliás, pelo contrário. Mas, isto pode ser negativo se interpretado por ele, que, se ele sair, haverá de facto algum «jovem com vontade de trabalhar» para o substituir. Ou seja, o comentário do Edson é o único que o poderá incentivar para sair. Mas, bem tarde será, há pelo menos 941 contra sem contar o tempo e os milhares que poderiam ainda votar. Com ele. Este blog fez história. É pena um disparate também entrar na história tb lol.

nelson e familia gomes disse...

Um sucesso a petição. Mas, não se afligem caros justiceiros, porque os politicos ou, futuros politicos não se interessam pela causa da justiça porque não dá votos, apenas infelicidade e tristeza para o povo. Já agora sei que Moeda tem uma especial sensibilidade pela arte. Ele tem dado contributo importante aos artistas locais quanto aos seus direitos de autor, é de se aproveitar...igualmente sei, até porque foi aí que o conheci, que ele foi/é um grande contribuidor da ADECO. Ele que viva muito.

miranda disse...

Isto tudo foi uma vitoria do povo com sede de justiça e quem jampa tem estendido sempre um copo de água. Pena que meninos ricos não sabem o que passam os sedentos de justiça. Pena. Mas, até nos seus comentários Moeda venceu - porque mostrou que eles leram e, ainda que, a seu jeito, comentaram. O Abrão é que nos poderia ter poupado do seu sorriso. Mas, tudo bem, Moeda já tem o apoio de Cabo Verde no seu global. É lindo ver MPD e PAICV todos a volta dele. Miranda.

zé disse...

Meu, people de Lisboa tchigá tarde. Sorry Jampa! Faltam milhares de assinaturas meu, acredita! Zé, Pedro, Nhelá, Nely, Jeni, Eloisa, Manás e Carla. Maltas de Sul stá cu bo ti fim. Nhos midjora djustiça lá na terra guentis!

freitas disse...

Força Moeda, está quase tudo dito. És orgulho.

João Branco disse...

Mais uns comentários elucidativos. E repito quantas vezes forem precisas, porque isso também não ficou claro no texto de A Semana: esta foi uma petição SIMBÓLICA. Mas que, como se viu, mostrou, entre outras coisas, que ainda há esperança de vida para uma intervenção coerente e solidária da sociedade civil, quando às causas não estão amarrados interesses mesquinhos, pessoais ou partidários. Só por isso valeu a pena, não?

mar disse...

Valeu!

Anónimo disse...

João
Li a crónica de JCF on line e tornei a ler o excerto mencionado pelo Blog Nhu Naxu e não nada no texto me deixou antever que fosse um recado indirecto ao VM. Não acreditei na petição desde o princípio e confesso que o número de assinaturas me surpreendeu. Continuo a pensar que ele tem todo o direito de "bater coma porta" e a faze-lo discretamente se assim o desejasse… agora já é tarde. Infelizmente sou o tipo de felino doméstico que acredita que uma andorinha não faz a primavera. VM parece ou parecia nadar contra uma corrente muito forte. Valerá a pena ser somente um sacrificar-se e a correr, risco, quem sabe, de vida, por muitos? A petição, sem dúvida, veio agitar pessoas e opiniões pelo que se calhar este projecto de gato virtual vai tentar ser menos cínico. Que o movimento, ao menos, se traduza em algo concreto para a Justiça em CV! Gato Esteves.

Anónimo disse...

Acho que os nossos "comentadores" de ocasião demonstraram mais uma vez o que já se sabia: são superficiais e imaturos... ponham os pés na tchom rapazes... é tão triste saber que há jovens que conhecem tão pouco profundamente o impacto que um bom magistrado pode ter na vida dos cabo-verdianos... Cresçam e apareçam!

Catarina disse...

... ruídos (tristes, por sinal: não vi o programa!) à parte, re-digo, o que disse: VM, para mim, é o mais de 2008 e sei que vai continuar a trabalhar para se superar a si próprio. Quem ganha somos nós. Obrigada, Jampa! Obrigada, João... por teres disponibilizado o teu espaço para mais um acto de cidadania (a todos os "mirones" e "provincianos") - dia 27, confirmado! Vou estar aí: marca lá o local e a hora das comemorações!

xaquitim disse...

Prefiro pensar que o JCFonseca estava a falar de seus pares dinossaúricos que não deixam as mudanças acontecerem para não mexer com alguns dos seus status. Sem duvida que valeu. Abraços

Miguel Barbosa disse...

Caro João,
Nunca te vi ao vivo, mas considero-te um amigo, tamanha assiduidade com que visito teu café ( liquido de que não sou apreciador).
Acho entretanto qe nessas questões de justiça, designadamente o caso do procurador temos que ter cuidados adicionais:
Republicanamente, não podemos esquecer da independencia dos poderes do estado, da liberdade pessoal de cada profissional e das implicações da Profissão em questão..
Posicionei-me contra a peticção por achar que ninguém é insubstituivel e pelas carateristicas especiais do cargo de Procurador.
Uso um extremo para me fazer entender melhor: Que independencia teria o Magistrado em questão, para tratar de um eventual embróglio que envolvese o promotor desta petição?
Aquele Abraço

João Branco disse...

O problema é continuarmos a ser incapazes de criticar alguém directamente e chamar o boi pelos nomes. Não sei a quem se referia o JCF, mas se não era ao Jampa, pelo menos parecia. E depois de ler o RADAR desta semana, não sei não. Leiam este artigo, escrito depois de um elogio ao Magistrado:

"INVEJA: Mas, é claro, a alegria de uns é a tristeza de outros. Que o diga um certo Narciso da praça, que com o cotovelo a sangrar de inveja, produz disparates à altura da sua augusta pessoa. A esse habitué Radar manda chupar um contentor de limões. Talvez a raiva lhe passe."

Estão a ver? O pessoa não vai directo ao assunto, fica com indirectas para aqui, indirectas para ali, e depois ficamos nós aqui a imaginar grandes filmes e protagonistas, quando possivelmente, nada é do que parece. Mas que parece claro, lá isso parece.

Ao Gato Esteves e Miguel, mais uma vez, sublinho que a petição era SIMBÓLICA. Se houvesse outro nome para lhe chamarmos, mas pronto, foi uma petição. Encarem isto como uma simples, mas significativa, reacção de alguma sociedade civil cabo-verdiana, Ela própria, tanta vez acusada de inércia, egoísmo e indiferença. Parece que não é tanto assim!

Abraço a todos.

Anónimo disse...

O que é JCF??? Esclareçam-me, pf!

gomes disse...

Bem, o JCF até pode ser reconhecido em C.Verde mas, é um puro teorico. Perguntem-lhe quando teve um preso a sua frente? Quando entrou dentro de um Tribunal? NUNCA na vida. Acredito que ele tentou atacar Moeda porque este públicamente um dia perguntou se C.Verde não têm homens com competência para fazer um Código de Processo Penal para o Homem caboverdiano e que o que temos é uma cópia não enquadrada na nossa realidade. E, quem fez o código, ou copiou como Moeda diz, é exactamente JCF. Mas, enquanto jurista afirmou que Moeda é excelente e quem é competente para auferir do mérito dele é a Procuradoria Geral através da inspecção e não de um teorico que apenas passa a vida a ler e a fazer citações e obras de outros dele. Pena!ASemana descobriu-lhe os ciumes por um jovem que já deu a Cabo Verde o que eles nunca irão conseguir dar. Inclusive, na altura em que todos voltaram olhos para a justiça de C.Verde, Moeda esteve a altura e fez justiça. Janira, Ministra da Presidência falou na altura num reconhecimento Público. Quanto aos jovens, vergonha, so sabem como enganar e querer votos. Moeda, no entanto tem a simpatia quer de JS como de JMN - Garanto.

ana disse...

Não acredito que seja Moeda, já ouvi vários magistrados a falarem dele é ele é nota mil. Acreditem. Quando é que o JCF esteve num Tribunal? Aqui há invejas outras. Talvez mesmo um Narciso lol.

miguel disse...

Ainda que ele fosse um burro, desde que continue como está: a resolver o problema das pessoas e a fazer justiça, qual o problema lol? Querem lá um espertalhão como o JCF e fique tudo na mesma? lol. Idiota.Que triste figura.

xanda disse...

Eu conheço Moeda e imagino-o a rir do palhaço - esta saiu-lhe mesmo pela culatra. Mas, dúvido que ele se refira ao Moeda - ele jamais vestiria a camisola de incompetente. Caso contrário o STJ também o seria - pois que ele nunca perdeu lá, e, contra factos não há argumentos nem Narcisso nenhum. Coitado, opá dor de cotovelo lol.

carlos disse...

Bem, já agora, uma amiga de Coimbra, o Moeda conclui com sucesso o curso em 5 anos, concorreu para o CEJ, curso de magistrados, no mesmo ano, entrou com sucesso e terminou com exito. Na verdade, queriam que ele exercesse a magistratura em Portugal mas, ele achou que tinha uma divida para com Cabo Verde pelo que, voltou. Não tem mérito? Não tem competencia? Que dorzita se de facto é de moeda que ele fala. Ele é um excelente magistrado. Até entrou no cargo por concurso documental - o melhor.

santos disse...

Para mim na justiça é competente quem resolve casos. É o que Moeda faz e,bem. O resto é bónus que ele nos têm brindado e nos ensinado. coisas que estes senhores nunca fizeram.Ele fala numa linguagem simples para que todos percebam e, se calhar, ele peca porque o JCF quer rigor e que ele confunda o povo, armando-se em sr. Doutor como ele.Moeda que continue assim. Mas, não acredito que JFC tenha tomates para o desafiar.Moeda o tem feito e com fundamento. Geraldo, Germano, Vanda Évora já assim o disseram públicamente.Jurista de profissão.

almeida disse...

O artigo do JFC, se é que ele fala do Jampa, foi MUITO BOM meus amigos que gostam da justiça. Isto demonstra claramente as dificuldades que, no terreno este jovem enfrenta para poder fazer justiça nesta Terra. Quando uma pessoa com a responsabilidade de JCF que tanto fala de estudo mas, tem professores mediocres na sua Faculdade fala desta forma...Meu, agora que dá mesmo vontade de apoia-lo. Acreditem que a competencia dele será, e, já é histórica. E a sua cidadania já é igualmenente histórica. Que ciúmes meu lol. Ele conseguiu mais uma proeza. tem o reconhecimento público que sequer um candidato a Presidente NUNCA teve - já imaginaram, no gozo, que se Moeda concorrese a presidente da R. com JCF o deixava de longe e a rastos? lol Agora que seria sangue de cotovelo. lol

elson disse...

Viva JCF! Coitado, depois disto vai precisar de um vivinha. Moeda, és único até isto conseguiste - desmascarar os lobbies que tem parado a Justiça. A tua competencia é internacionalmente reconhecida, não temas! És sim, um héroi.

luis Diniz disse...

Não temam porque jampa não teme nada nem ninguém. Estranho, começam a surgir os inimigos. Mas, ele já sabia disto e os têm enfrentados a todos, a todos. A sua competência é visivel. Ele é um jovem mas, conseguiu proezas notáveis quer no seu estudos, a sua formação - no curso próprio, onde entrou depois de concurso e até ao que faz na prática. Chamar-lhe qualquer coisa outra senão competente, inteligente ou melhor magistrado de C.Verde, é um insulto. JCF nem mil citações e coisas que roubas dos outras e fazes teus te tirão desta vergonha pública em que te meteste. Adeus presidência depois desta. Luis Diniz lá di bu zona.

Fernanda disse...

Bem, de certeza que o próximo artigo de JFC será dizer «PERDOA-ME MOEDA, NÃO ERAS TU DE QUEM EU FALAVA» e o 180.º o Edson, Paiva e Abrão, «desculpa-nos Moeda, não te conheciamos antes». É o minimo que poderiam fazer. Mas, lá no fundo quer acreditar que JCF não escreveu sobre ele. O STJ têm comprovado o génio dele, e, meu, ele é um jovem ainda. Ei amigo, JCF é Jorge Carlos Fonseca. Quanto a presidência, bem visto caro amigo, este aqui não o ganhava não lol. Que a humildade continue com Moeda e que os demais jovens estejam dispostos a apoia-lo, ouvi-lo e segui-lo. Os 180.º não devem ter feito por mal, é apenas algo que lhes ultrapassa. Ei João, se puderes, faz-lhes conhecer destes comentários desde que aches que não será embaraçosso para Moeda. Porque ele não deve sofrer pelos nossos comentários. Aquela força!

afonso disse...

Qualquer declaração contra Moeda neste momento é vista como não séria, ridicula e contra os interesses e Justiça de Cabo Verde. Digo-o enquanto profissional do ramo porque ainda os que não lidaram com ele todos o conhecem como excelente pessoa e magistrado. Essa escrita do JCF não pode nunca, jamais ser vista contra Moeda. Mas, de facto parece. Mas, se virmos bem, há por ai muitos mediocres insuportáveis sobretudo os que copiam leis e dizem que as fazem. E, mais não digo! Afonso.

pop/pn disse...

Pena que, pessoa que reune tão consensos ficar sujeito a insignifâncias e ciumeiras. Pena mesmo! Uma tristeza! Eles que não voltem a usar o seu nome dele em vão no 180.º e, ainda bem que o JCF não teve tomates para dizer o seu nome. Quanto a competência, ele não precisa dar provas de nada, o resultado está a vista - resolução de casos, casos complexos - droga, casos inéditos no país, tirar o país da vergonha entre muitos outras mormente: a sua participação civica em várias palestras, foruns e formações. A PN/POP TODA orgulha-se dele e está com ele. Para nós ele é uma luz que brilhará sempre. Nunca tinha aparecido alguém que sendo quem é aproximou-se dos policias e humildemente os ensina e aprende com eles. Viva!

djon disse...

Como se chega ao blog do nhu naxo? Quem diria que o JCF adorava limões lol!!Só pode. Olha com quem foi-se meter. lol agora entendo porque ele não colocou o nome, senão estaria todo cagado. Djon, conhecido por Di, badiu di tchadinha, na prédio vermelho e branco perto de tudo alguém.

mar disse...

Pessoal, acreditem que Moeda sabe, e muito bem se defender. Espero apenas que aqueles covardes não utilizem de meios traiçoeiros para o atacarem como fez (?) JCF porque sabia que Moeda, na sua posição não o iria responder. Que golpe tão baixo senhor JCF. E quem o vê o pensa um grande senhor. O caraças é que é!

João Branco disse...

Bem, até confirmação do próprio JCF, ninguém pode dizer que aquele comentário era dirigido a alguém em especial. Simplesmente, que foi uma coincidência dos diabos, lá isso foi. Mas já por isso é que sempre penso ser melhor ir directo ao assunto quando se quer fazer alguma crítica, dizer alto e bom som o quê e a quem, para não cairmos no risco de cometer injustiças irreparáveis ou cair em equivocos lamentáveis.

Espero só que quem esteja a utilizar termos bastante fortes - de critica e julgamento, ou de admiração - saiba muito bem o que está a dizer.

De resto, a minha principal aprendizagem deste caso, que agitou a pacata existência do Café Margoso nestes últimos dias, foi ter consciência da profunda admiração que Vital Moeda tem de muita gente e que em nenhum destes comentários se tenha falado de partidos. Isso é notável. Como disse no post, não podemos estar todos enganados!

Abraço fraterno

antónio, toni disse...

Valeu João, valeu Moeda!

Anónimo disse...

Jáagora, depois de exlicarem quem é o JCF, seráque é pedir muito que me digam onde posso er o tal artigo???

João Branco disse...

Anónimo, no texto, clique em "lendo isto" - no ponto 6 - é vai lá ter... Simples, fácil... só não dá milhões, para ser como o totoloto... Abraço.

mar disse...

leiam no alamarginal.blogspot do Abrao do 180.º. Há uma frase que menciona o Moeda. Será que assim ele esta perdoado lol? Cool!«...Há também um conjunto de cidadãos fofinhos, desses que têm acesso à Internet e aos blouugues, que não querem que o Vital se vá embora! E gritam: fica, fica, fica. Vá lá Vital fica e atura esses marmanjos, nós cá damos-te apoio mÓrales. E por Cipriano Fernandes ninguém lança uma petição? E por Jorge Santos? Ninguém se lembra de envia-lo como mediador de conflitos para…sei lá...». Vejam!