Café em Silêncio

9 Comments




Desculpa Vadu, mas não acredito em milagres.
[Ler aqui e aqui]


2010, que início de ano horrendo para Cabo Verde. O que virá a seguir?




You may also like

9 comentários:

Mestrando disse...

Lugar ca ta bom......................... Agora noticia de possivel morte de Vadu...................... bem 2010, será q bô podia entrá q mash um czinha de calma?assim ninguem ta pode q bô

Ten disse...

Lamento muito o desaparecimento do VADU. Estamos a ver CV ficando cada vez mais pobre. É triste!

Neu Lopes disse...

Há poucos dias falava com um amigo sobre uma visita do Jim Job aotúmulo do malogrado Biús e comentei sobre a perda dela e de Manuel d'Novas. Nesse momento não pude conter minhas emoções. Ontem à noite, logo após uma aula sobre cultura de Cabo Verde falando sobre o Manuel a Luísa, o Abílio Duarte, o Tchalê e o Bento recebo por telefone essa notícia sobre Biús. Codê di Dona também partiu. Soube que o Armando Tito está com sérios problemas de saúde e precisando de apoio. Digo agora que são muitas vidas de artistas que não estão a ser poupadas em Cabo Verde. Isto é um maldito turbilhão que atenta contra a cultura cabo-verdiana.
Na hora do adeus resta-nos a saudade desse que foi protagonista de um dos mais lindos álbuns dos últimos tempos made in Cabo Verde.
Vadú foi mas deixou escrita a ouro mais uma página desse rico livro da alma de Cabo Verde.

Caboverdiano disse...

JB,pe mim milagre (nem sei se a palavra é a propriada)é ess Gigante ter passado por nós.Embora tcheu que notash e dash sis valor. A semelhança do que contcê ma tcheu e que infelizment deve acontecer ma outros.

Ess e sem duvida, pior fim de ano e entrada de ano pa mi.

Com todo o respeito pelo teu espaço, permita-me um,
Poooooooorrrrrrra.

Abrass JB.

Anónimo disse...

ouvi algures que cabo verde necessitava de ir repousar num divã, devemos respeitar o seu pedido e dar-lhe esse 2010 para descansar, seria uma grande ideia não acham

de um grande amigo para jb

Anónimo disse...

acreditam-se em milagres porque a dor de aceitar a realidade é imensa. e às vezes pensamos que não pode ser verdade.
a eventual morte do Vadú é uma pena. como artista. como pessoa. a Praia não é a mesma sem ele. Nem o panorama musical de Cabo Verde.
Eu tenho o sonho de um dia chegar a Cabo Verde e os músicos serem aplaudidos como verdadeiros artistas em vez do serem vistos como pessoas com uma profissão "não a sério" de uns tipos que tocam viola para ganhar uns copos, e bebem grogue nos intervalos.
A música do Vadú não é pretenciosa, nem sempre tem os melhores arranjos, mas é cultura cabo-verdiana. Da achadinha ao mindelo. Conta histórias. Faz-nos reparar. E é poesia.
Um brinde ao Vadú. que a Lua sempre alumie o caminho e traga fé e força.

Bernardino disse...

Eu acredito em milagres. Dormir e acordar bem é um dos. Compor uma música, brotar de uma semente são ainda, etc.

Custa de facto aceitar, mas...RIP Vadu e Day!

A morte continua a ser o mais inesperado visitante. Dessa forma mais ainda. Que esse acontecimento nos ajude a decidir a cada momento mostrar e dar tudo de amizade, afecto, carinho que nutrimos temos para com outros. Esse momento é dificil mas é particularmente dificil para quantos não deram ou não demostraram tudo o que sentiam por estes jovens, enquanto podiam receber. Just do it!!

God bless C.Verde!!!!!!

Anónimo disse...

O diabo anda à solta!

Pimintinha

Mestrando disse...

2000 e DEZgraça.
esse é o nome deste inicio de ano