Tertúlia dos Mentirosos 60

4 Comments


Telefonema

Telefonaram-lhe para casa e perguntaram-lhe se estava em casa.
Foi então que deu pelo facto. Realmente tinha morrido havia já dezassete dias.
Por vezes as perguntas estúpidas são de extrema utilidade.


Mário-Henrique Leiria in "Contos de Gin-Tónic"




You may also like

4 comentários:

Felina disse...

Pior é quando o vivo está morto para votar

Tchale Figueira disse...

touches Felina!!!!!!!!!!!!

João Branco disse...

Fantasmas há muitos... E alguns com grande vontade de ressuscitar!

Anónimo disse...

Essa da pergunta parva que às vezes é necessária faz-me lembrar este Governo e a questão da integração de Cabo Verde nos PDM. Tanto parafusaram que conseguiram lá o estatuto.Já comemoraram, vangloriaram, e só agora começam a questionar: E AGORA? Pois é pergunta parva, pois já deviam ter antecipado aonde é que isso ia dar: cortes na cooperação, donativos, etc. E ficam sempre admirados quando os doadores dizem que já não irão apoiar...caboverdianices...

PS: Viram o filme À procura de NEMO? Pois este Governo parece aqueles peixes, no fim do filme, dentro dos sacos no rios a perguntarem-se " E agora?"