SMS Cafeano

18 Comments




"Assim vão destruindo a nossa ilha. Ninguém mexe uma palha."

Tchalê Figueira - artista cabo-verdiano




You may also like

18 comentários:

Pé Esquerdo disse...

Uma palha já não seria suficiente, João! Acho que temos aqui motivo para convocar a tal revolução ;)

Anónimo disse...

...sô vão mexendo na areia, por enquanto...
Hiena

Djon Dade disse...

Temos de chamar o gajo lá do Sal para vir colocar ordem nesta merda!Djon Dade

Lily disse...

Só o vento mexe...
Qualquer dia...
"E tudo o vento levou..."
(restando a esperança de que "Amanhã...é sempre um novo dia!", idealmente mais lúcido do que hoje...)

Anónimo disse...

e o ke é k o tchalé (e cada um de nós)está a fazer para travar tal destruição? constatar tds constatam e agir?

concordo com o pé esquerdo, revolução já!!!!

AE

Kuskas disse...

Oh João

Ainda no tempo da Madalena, a DGA aplicava multa e ela sancionava. Este novo Ministro, a DGA aplica multa e ela não sanciona e ainda puxa a orelha da DGA porque segundo ele, Cabo Verde não pode desperdiçar oportunidades de investimento, mesmo que isso nos custe as praias e as montanhas que são a nossa mais valia.

E agora que as coisas vão piorar, pois o novo DG é um tipo que tem 2 anos a trabalhar como delegado do MAA, não conhece o sector ambiental e tem grandes aspirações politicas. Já estão a ver o filme: de agora em diante o pessoal da DGA vão passar a ser o verbo ESTAR.

Abraços

Tchale Figueira disse...

FAREI UM ABAIXO ASSINADO PARA A CAMARA E A CAPITANIA DOS PORTOS.
DEPOIS QUERO VER QUEM ASSINA, OU É SÓ FICAR NOS BLOGUES A MANDAR BOCA??????????

TENGO COJONES

Cristina Silva disse...

Há mtos a dizerem que fazem e a invocar revoluções. Até agora, só um jovem destemido tem mostrado fazer algo. Nós todos só fazemos birra e mais birra. Inclusive eu. E, assim vamos assistindo a estas degradações. Acredito que não seja fácil e que crie mtos inimigos de peso mas, n devemos ficar só a espera dos outros. Foda-se, agem em conformidade com a vossa revolta. Tchalé, além de fotos e bocas podes fazer algo mais? Não que bocas e fotos não sejam bem vindos mas, não chegam porra!

Sisi disse...

É muito bonito falar em agir, e tb concordo que seja o caminho certo, mas este nem sempre nos leva ao lado certo, pois não podemos esquecer que por trás destas apanhas de areia muitas vezes estão pessoas junto das quais poderíamos ir reivindicar.

João Branco disse...

Pé Esquerdo, alguma sugestão?

Hiena, por enquanto que ainda houver areia...

Djon Dade, nem mais!

Lily, se fosse só o vento a levar...

AE, alguma sugestão (concreta!)?

Kuskas, até quando silenciar o que se passa?

Tchalé, vamos a isso.

Cristina, o jovem de que falas é PROCURADOR, faz o seu trabalho e muito bem. O maior problema serão os que estão na mesma função e assobiam para o lado! ONDE ESTÃO OS PROCURADORES QUE DEVEM PROTEGER A LEI?

Sisi, por outras palavras, a máfia das areias...

Linda disse...

Enquanto for a politica a mandar na justiça não esperemos que muitos tenham a coragem para dar um soco na mesa e os enfrentar. Ninguém gosta de atrair problemas e ficar pressionado. Mais vale apanhar bandidinhos do que se meter em alhadas, comprometer o futuro que nesta terra acaba sempre por algo politico e colocar a familia em risco. Enquanto isto os tubarões vão somando e somando criando riquezas e entregando a nossa terra aos de passagem que vem cá encher os seus cofres, explorar os «excelentes e muitos» «««««trabalhos»»»»» que dão e, depois xauzinho. Parasitas. Deixem-nos o que é nosso. Nenhum deles fica no cargo politico mais do que dez anos por isso, toca a lucrar no matter what! Concordo plenamente ctg JB, sobretudo no teu último apanhado de comentários. Subscrevo completamente.Linda

Anónimo disse...

Tanta coisa já se fez... já apanharam alguns infractores em flagrante, já multaram, já se mandou bloquear a entrada das dunas, já mandaram devolver a areia - que estava pronta a ser embarcada para S.Nicolau - e no entanto continua sendo pouco... Um dos principais "donos" da duna até já foi presidente da Assembleia Municipal de S.Vicente... quando são as próprias autoridades a prevaricar, que nos resta fazer, pobres mortais??? Compete à Polícia Nacional fazer a fiscalização da área (pois fica para além dos 80 metros da orla marítima)mas têm sido ineficazes e ineficientes e poucos são os que apanham em flagrante, tendo em conta o controle via telemóvel feito pelos donos dos camiões, quando sabem que a PN está a caminho... Diz-se que muitos têm licença de extracção, emitida pela CMSV.... IDEIAS PARA TRAVAR ESTA SANGRIA PRECISAM-SE! Soncent Atent

João Branco disse...

Soncent, sugestões para serem transformadas em post aqui no Margoso? Podem ser enviadas para cafe-margoso@hotmail.com

Abraço

P.S. A minha promessa é não deixar este assunto morrer aqui no Café Margoso. Para isso toda a ajuda é bem vinda.

zito azevedo disse...

Falar das coisas, parece-me, já é fazer alguma coisa, ignorar é que não! Mas, o importante é que a denúncia seja permanente, dura, incisiva, veemente, do tipo campanhas eleitorais, no que elas têm de ruidoso, apelativo, epidémico! Parafraseando Amália, é preciso que se fale até que a voz nos dôa!
Zito Azevedo

Anónimo disse...

O problema é que somos muito acomodados e preguiçosos. Quando comparado com outras paragens, que por uma mínima coisa, há grandes manifestações, quase revoluções, constato que o cabo-verdiano só tem garganta e sabe mandar bocas. Nós somos basofos, " o povo mais esperto do mundo, sabemos tudo", mas quando é hora e arregaçar as mangas e lutar, é só ver o pessoal a assobiar para o lado. Por essa é por outras, e não obstante as várias críticas, que eu admiro a geração de jovens que lutaram pela independência de Cabo Verde e que fundaram o PAIGC. Esses sim tinham ideologia, crenças , eram e são admiráveis, e eu sinto uma grande admiração e dívida para com eles. Os jovens de hoje nem chegam aos calcanhares dos senhores e senhoras de que falo. Pessoal só que é passá sábe, nada de responsabilidades de nenhuma ordem.

Pé Esquerdo disse...

Porque não criar um Movimento de Defesa do nosso Património? Esta associação poderia promover debates, abaixo assinados, manisfestações, etc. Infelizmente tenho dúvidas qto à adesão popular. A minha esperiência diz-me que o espirito revolucionário crioulo está adormecido.

Pé Esquerdo disse...

Queria escrever eXperiência, é claro! Imperdoável :)

Anónimo disse...

Mas, desde os que lutaram pela indepência de CV quantas mais revoluções existiram desde então? Para quando uma revolução a favor do Ambiente, do que é nosso? Só blá blá blá.