Café Visual com Ironia à Mistura

9 Comments


Esta semana em Londres,





Comentário Cafeano: achei piada ao cartaz e as miúdas até são giras. Mas aposto que aquelas calças de ganga, certamente umas Lewis Strauss cirurgicamente rasgadas, custaram uma pipa de massa, assim como aquelas t-shirt's tão fashion são criações únicas de alguma loja londrina e custam mais do que o meu guarda roupa inteiro, e que devem combinar as idas às manifs enviando sms's em telemóveis da 3ª geração de uma das multinacionais do género. No fundo, o capitalismo como está é uma fuck reality, mas que toda a gente faz uso do sistema, lá isso faz.




You may also like

9 comentários:

zito azevedo disse...

Assim é, na realidade... De resto, eu creio que todos os ...ismos têm a sua razão de ser; o pior são as pessoas e o mau uso que dão às ideias! Em resultado, claro, que se lixe o ...idealismo!
Zito Azevedo

Amílcar Tavares disse...

Está aqui, e há outras por aí, a base da minha afirmação no meu último post sobre protestantes profissionais.

Muitos lá estão por diversão e nem têm a noção do que se passa, noticiam várias agências.

mdsol disse...

É... algumas são meras palavras....
:))

Anónimo disse...

Pois, como diz bem um comentador da radio local, ou são estudantes
porque ainda o estado não assegura nada do seu check, ou então são desempregados
que não querem trabalhar.

Neu Lopes disse...

será que as flores não foram compradas no garden center lá de London?

argumentonio disse...

é bom que o idealismo permaneça actuante, designadamente evidenciando e denunciando um sistema que por mais virtualidades que tenha é susceptível de desvirtuar os conceitos primordiais de dignidade humana, de ética e de justiça social, mesmo se é nesse contexto que existimos, somos e agimos

é preciso acreditar que é possível viver num mundo melhor e manifestar quanto nos vaj na alma!!

é claro, de preferência através de ideias credíveis, construtivas e exequíveis, embora nem sempre seja claro e imediato qual o melhor caminho a seguir!!!

prevaleço-me da regina canção: não sei onde vou, mas sei que não vou por aí

;->>>

João Branco disse...

Zito, e o povo é sempre o primeiro da lista para "lixar";

Sol, :)))

Anónimo, trabalhar.... dá trabalho!

Neu, hehehe e não é para todos.

Argumentonio, por isso a Ironia do post.

Felina disse...

Com que então avaliam as pessoas pela aparência, aquelas meninas bonitas são umas superfluas que não tem nada que fazer e andam a brincar as manifestações, quem sabe o que lhes vai na alma e no pensamento?

João Branco disse...

Eu escrevi "aposto". As apostas perdem-se ou ganham-se. Quem sabe se eu perderia esta, Felina! :)