SMS Cafeano

6 Comments




«É preciso que o povo regresse do seu longo exílio.» 

Sophia de Mello Breyner Andresen, poetisa





You may also like

6 comentários:

Anónimo disse...

Concordo, e um pensamento que eu defendo desde há muito, com todo o respeito pela autora.

A humanidade precisa acordar dessa já longa e catastrófica letargia em que o capitalismo feror nos meteu, e descobrir muito rapidamente novos paradigmas.

Abraço amigo,

João Branco disse...

Novos paradigmas. Tenho ouvido esta expressão da boca de muitos políticos. É preciso passar à acção.

Anónimo disse...

É, de facto, tempo de voltar.

Como diz Manuel Alegre,

"E contudo perdendo-te encontraste.
E nem deuses nem monstros nem tiranos
te puderam deter. A mim os oceanos.
E foste. E aproximaste.

Antes de ti o mar era mistério.
Tu mostraste que o mar era só mar.
Maior do que qualquer império
foi a aventura de partir e de chegar.

Mas já no mar quem fomos é estrangeiro
e já em Portugal estrangeiros somos.
Se em cada um de nós há ainda um marinheiro
vamos achar em Portugal quem nunca fomos.

De Calicute até Lisboa sobre o sal
e o Tempo. Porque é tempo de voltar
e de voltando achar em Portugal
esse país que se perdeu de mar em mar."

a) RB, anónimo por obrigação

João Branco disse...

Manuel Alegre é um excelente poeta, mas como político, já gostei mais. Pouco coerente.

Arsénio disse...

O povo anda no exílio e a dormir também.

Anónimo disse...

Z-DAY Mindelo?