Margoso Última Hora

15 Comments




Acabei de receber esta mensagem do Virgilio Brandão:


«João, a Ana voltou para a Escola, desde ontem. Telefonaram-lhe a pedir-lhe para voltar, sem mais. Não disseram nem ai nem ui, só lhe pediram para voltar, sem explicações... Não sei, ainda, se a Ministra curou somente da situação dela ou se tomou uma decisão que afecta a medida em si. Vamos esperar para ver... Abraço fraterno.

Ah!, afinal, a solidariedade sempre faz diferença. A Petição em curso é para continuar. Afinal, a Ana é somente o rosto de uma discriminação generalizada.»


E agora eu pergunto: é impressão minha ou a cidadania está a crescer em Cabo Verde muito graças a este movimento dos blogues?




You may also like

15 comentários:

Catarina disse...

Parabéns todos e especialmente ao bloguistas! Concordo e é isso que sinto, os blogs têm dado eco a tantas vozes, têm servido de palco para troca e divulgação de ideias.... no fundo, têm servido de "mesas de café" mais alargadas!

Sim, espero que a petição continue, porque outras Ana há por esse país fora!

Neu Lopes disse...

Ora, é caso para dizer que a cedência foi por livre e expontânea pressão.
A união faz a força e não estamos em nenhuma república das bananas

Cesar Schofield Cardoso disse...

Há dias num comentário, dizia mais ou menos assim:

As Novas Tecnologias de Informação revolucionaram o mundo; os paradigmas estão todos a mudar. A informação confunde-se com o próprio conceito da democracia e os blog baralharam tudo.

Informação, antes desta massificação, significava poder. Sem o seu controle, o poder tem que ser procurado em algum outro lado.

João Branco disse...

Pois é, mas eles não andam a dormir. Ainda hoje li uma noticia que nos fala do crescimento exponencial de bloguistas presos por exercerem o seu direito à opinião. E ainda se admiram de muitos andarem por aí sob a capa do anonimato. O mundo está perigoso...

Mas neste caso em particular, acredito que fizemos a diferença!

Anónimo disse...

Ok vamos ignorar que apenas 14% da população cabo-verdiana tem acesso à Net e que de certeza que nos números se incluem os que t~em acesso através dos Estado...

Paulino Dias disse...

Alo, JB!

Bela noticia que me das, pa! E - curioso - mais uma vez antes de dormir. Hoje, sim senhor, dormirei um pouco mais tranquilo, sem poesias...

Um abraco,
Paulino

João Branco disse...

Boa noite, então, Paulino!

Mic francês disse...

João, é uma piada, não é?
Eu espero que não são 20 ou 30, até 50, bloguistas que influençam uma politica.
Não gosto nada dessa idea duma tal democracia, da qual teria que fazer parte o lobbying (que eu não confundo com uma mera influência), qualquer seja o talento dos participantes.

Desculpe-me para o meu português, prefiro o crioulo, de longe.

Miguel Barbosa disse...

A batalha foi ganha.
A jovem foi expulsa da escola por razões de PARTO.
Mas ainda HÁ uma LEI que permite expulsar jovens por GRAVIDEZ.
vamos transformar a petição numa pressão para mudar a Lei na A.N.
Ai sim, vencecremos esta Guerra.
http://liberal.sapo.cv/noticia.asp?idEdicao=64&id=18960&idSeccao=525&Action=noticia

João Branco disse...

Mic, no sabê ke ês tita lê nôs espaços de debate. Bo tem ke lembrá ke CV é um pequena aldeia, ta bastá un eco e tud gent ta passá a sabê o ke tita kontecê. A mim, ka ta parcêm nada mal ke ess onda gerôd pa blogueiros crioulos influenciá um recuo da parte de nôs autoridade. Antes pelo contrário...

Miguel, de acordo!

Sisi disse...

Penso que ñ é impressão tua João, é mesmo verdade. Este mundo blogueiro tem sido um espaço onde podemos colocar em prática a nossa cidadania, reflectir e discutir assuntos sérios e de muita importância. Parabéns a todos por manter este movimento, pk esta cedência da ministra foi prova que vale a pena continuar e unir nestas causas. Qto aos visitantes, devem continuar sempre com as suas visitas participativas, pk são elas que desencadeam discussões bastante pertinentes e necessárias, já que ñ se tem a oportunidade de o fazer noutros meios. Continuem pk nós estamos com vocês!


Abraços!

João Branco disse...

Isso mesmo, Sisi. Continuo convencido que tivemos alguma coisa a ver com esta «reviravolta»...

Mic francês disse...

M'ka ta concorda, João. A democracia ka pod ser entregod a uns 30 cidadões opinionistas. Deus sabe m'ta gosta Internet, ma:

1. am sabê tambêm é difficil pa encontra gente d'Internet k'tem a ver ma vida verdadeira

2. Reciproca do 1.

3. né mod bo (em géral, "bo", ok?) é bloguista k'bo vra automaticamente experta (am tem um bocod de contra-exemplos :) )

4. Reciproca do 3.

Alem de tud kel bom sentido e kel bom senso atras dess polemica da menina expulsod - e ainda bem blogs de Cabo Verde reage muito bem -, am ta continua pensa ke blogs ka ta podê e ka ta k'tem poder, pamod es ta representa muito muito pouco gente e sociedade civil.

Na tud nha humildade, m'ta espera e m'tem certeza k'governo ka ta governa conforme blogs ta dzê e fazê.

M'ta spera gente ta entendê m'ka tem nada contra blogs em particular. Es tem k'fca ondê kes ta: ou es é diarios (com opinioes, consedj, analysas pessoais), ou es é meios de investigaçon, de informaçon, de contra-poder.

E na Cabo Verde, sem ofender, inda *ka tem* blogs de investigaçon, com tud respeit pa kel traboi feit té agora.

Anónimo disse...

Num post relativo a este assunto alguém afirmou com convicção que os homens não podem engravidar. Acabo de descobrir num blog http://reporterxcv.blogspot.com que certezas absolutas e definitivas não existem. E a notícia foi confirmada.

João Branco disse...

Eu conheço essa história. Não foi bem um homem que engravidou. Foi um homem, que era mulher, e passou para homem sem no entanto o ter passado completamente... Confuso? Hoje em dia, tudo é possivel!