Café Publicitário

9 Comments




Não sou sócio, mas estou atento e considero isto uma excelente notícia:

«A empresa CV WiFi, com sede em São Vicente, começa a fornecer em Julho o sinal de Internet sem fios a um custo fixo de dois mil e quinhentos escudos/mês, já com IVA incluído, na cidade do Mindelo. O serviço fornecido não tem limites de tempo de utilização nem de tráfego, ou seja, não tem limite de downloads, de acordo com um dos sócios da empresa, Martinho Monteiro.

A CV WiFi, vai utilizar um fornecedor de serviço baseado no conceito rede sem fios (wireless) com velocidade de dois Gigabytes/segundo e navegação sem limites de tráfego. “Hoje estamos a testar o equipamento e inclusive já recebemos o sinal via satélite pelo que nos últimos dias de Junho, início de Julho, os nossos clientes já terão o sinal”, concretizou Martinho Monteiro. Para os clientes da nova empresa com computador fixo em casa ser-lhes-á facultado um receptor USB de forma a receberem o sinal emitido via ondas de rádio.

A CV WiFi vai disponibilizar vários pacotes aos seus clientes, sempre com custo fixo, sem que estes se preocupem com o tempo de utilização de Internet ou com megas adicionais. Na fase de arranque, a empresa vai fornecer uma banda mínima de Internet, com possibilidade de a aumentar conforme a adesão dos clientes.

Esta é uma empresa nacional, que dá os primeiros passos em São Vicente mas, vai chegar a todos os cantos de Cabo Verde, garante Martinho Monteiro. “A expansão vai acontecer naturalmente desde que consigamos os financiamentos necessários”, explica. A CV WiFi vai investir cerca de 160 mil contos neste projecto. A empresa promete ainda oferecer serviços nas áreas de desenvolvimento e alojamento de websites, streaming ao vivo de imagens e áudio, VoIP (Voice Over IP), para além de outras soluções.

Com a entrada da CV WiFi no mercado passam a ser três as empresas fornecedoras de serviços de internet a operarem em Cabo Verde. A CV Multimédia, do grupo CV Telecom, que opera a nível nacional e a Cabocom, sedeada na ilha do Sal, são as duas restantes empresas neste mercado.»


Fonte: Américo Antunes, aqui





You may also like

9 comentários:

Kuskas disse...

E a morar na Praia :( BUAAAAAAA

João Branco disse...

Chora não. Está previsto cobertura Nacional! Haja esperança...

Anónimo disse...

Pois, mas sempre quero saber como, se é tão dificil termos acesso ilimitado na CVT que funciona via cabo submarino, exactamente porque estes dizem que é caro, mas que mesmo assim é mais barato que satélite. Prefiro esperar para ver, principalmente quando tiverem 1000 clientes a fazerem download de filmes directo o dia inteiro...

João Branco disse...

Anónimo, tenho pensado no mesmo. Escrevi no post dos cafés curtos, que «quando a esmola é muita o pobre desconfia». Mas que dá para animar a malta, lá isso dá...

Teatrakacia disse...

Que venham mais empresas no ramo, pois essa coisa de 'uma só Telecom'... ela come, come, come, e eu mal como, e ninguém mais come... só se dá de cómer, à Telecom(e)
(hehehe)
Tchá

Anónimo disse...

Quanto ao download de filmes e so filtrar pacotes e priorizar trafegos como http e logo isso se resolve. Agora confundir 2 megabit com 2 megabyte, isso da que pensar na capacidade tecnica da empresa.

João Branco disse...

Anónimo, para quem não domina a «nomenclatura» uma ou outra coisa não significam nada. E pode ter sido isso que aconteceu a quem escreveu a peça... Vamos esperar para ver!

Martinho Rodrigues Monteiro disse...

Para esclarecimentos as pessoas que leram essa mensagem, realmente houve ma interpretacao da velocidade do nosso link internacional.

A velocidade inicial que estaremos iniciando eh de 2 Mbps (dois megabits por segundo) e nao 2 Gigabytes como eh informado. Uma vez que a entrevista foi concebida por telefone, deve ter havido algum problema na percepcao e interpretacao em relacao a velocidade.

Nao existe nehuma propaganda enganosa na materia, a materia eh legitima, apenas um lapso de numeros

Melhores cumprimentos.

OBS: quanto ao Sr. Anonino, nunca duvidas da capacidade de um homem, com a sua frase...."Agora confundir 2 megabit com 2 megabyte, isso da que pensar na capacidade tecnica da empresa.
"

João Branco disse...

Cá está o esclarecimento dado por quem de direito. Agradeço em nome pessoal ao Sr. Monteiro e aproveito para perguntar se nos pode dizer quando é que as pessoas que já se inscreveram poderão começar a usufruir do acesso à net, no vosso sistema. Muito obrigado e já agora, todo o sucesso do mundo.