Café Publicitário

5 Comments



Absolutamente imperdível, Luísa Queirós no seu melhor. E o melhor da Luísa Queirós é o melhor que podemos dar nas artes plásticas cabo-verdianas. Voltarei a ela na próxima Crónica Desaforada.

Entretanto, se estiverem no Mindelo vão à réplica de Torre de Belém - até que enfim que alguém se lembra de dar alguma utilidade ao edifício! - e apreciem a fantástica série de trabalhos da artista, dedicados ao tema central dos Naufrágios. Abertura oficial no dia 03 de Novembro, mas a exposição mantêm-se por mais duas semanas.

De cortar a respiração.




You may also like

5 comentários:

Teatrakacia disse...

Por estes dias - aliás é uma tradição na terrinha - os deuses todos estão connosco, estamos com muita,variada e boa qualidade e quantidade de actividades e manifestações... E este é um 'acontecimento'! Uma grande exposição de uma Artista marcante do pós-independência. E essa ideia extraordinária de fazer-nos redescobrir e dar utilisação à nossa bela e emblemática Torre de Belém...

João Branco disse...

Nem mais, Tchá!

Pedro Moita disse...

Também queremos na Praia!
Please.

João Branco disse...

Pedro, sei que esta exposição - espantosa, não me canso de dizê-lo! - vai estar sim na cidade da Praia, não se sabe é quando. Provavelmente, em Janeiro. Abraço.

isabel victor disse...

Vou procurar (agora que a exposição já passou)

Não conheço esta artista, mas fiquei curiosa ...



Saudações

(Mindelando ... encontrei esta fabulosa janela. vou ficar)

Isabel Victor