Café Solidário

5 Comments

Amanhã, 25 de Novembro, será o Dia Internacional da Luta Contra a Violência Doméstica. Eis alguns cartazes de uma campanha publicitária sobre o tema.






Fonte: vejam a galeria completa aqui




You may also like

5 comentários:

lumadian disse...

Ora aqui está um problema gravíssimo em qualquer canto do mundo.
Um problema que ultrapassa a cultura, a religião, a raça e a educação.
Um problema que só com a ajuda de todos se pode resolver.

Sisi disse...

As fotos da campanha estão delicadamente incríveis!!


"Mulheres" (Zé Ramalho)

Por aquelas que foram bem amadas
E por todas que vivem em segredo
E as que vivem na vida a dor e o medo
Onde o amor e a subita certeza
Onde voz e silencio se confundem
Misturando alegria e tristeza
E e com elas que a luz se torna intensa
Como um sol que ilumina a escuridao
Onde o amor brilhara com mais beleza
So por elas mais forte que paixao
Os sorrisos do mundo esparramando
As sementes que brilham na imensidao!!

João Branco disse...

A violência doméstica, contra qualquer ser humano, mulheres, crianças, homens, idosos, é uma autêntica aberração.

Anónimo disse...

João
Cresci e vivi convivendo com a violencia doméstica. Meu pai por duas vezes me fez ir parar ao Banco de Urgencias ( costelas fraturadas, cara machucada), perdi a conta das vezes que a minha mãe foi dar queixa a policia e nem imaginas a minha revolta quando via a forma como os agentes tratavam o caso.

Hoje,o meu pai é um homem diferente. Já não bate mais ( aliás, ele batia nos filhos porque na minha mãe ele batia e apanhava de volta). Pode-se perguntar pq a minha mãe aceitava: resposta dependente economicamente dele.

Resumo dessa "história": eu e meus irmãos hoje, esforçamos para não reproduzir a violencia com a qual crescemos, somos equilibrados (pelo menos não temos nenhum vicio), todos nós trabalhamos, temos filhos e tentamos educar os nossos filhos com os principios que a nossa mãe nos ensinou: ela só nos dava de "lot" quando não "ouviamos" e quando ela já estava saturada de "vitar-nos". Ela sempre nos disse para nunca aceitar a violencia e para nunca a praticarmos. Para não sermos nunca uma versão actualidada do casamento dela com meu pai.

Teve uma epoca em que eu ODIAVA meu pai. Graças a Deus isso passou e hoje vivo tranquila comigo própria e com ele.

A violencia é uma ABERRAÇÃO realmente. Vamos tratar de não a reproduzir e acima de tudo de não a ACEITAR.

Anonimo (tu sabes quem sou)

Sisi disse...

Com certeza a violência contra qq ser humano, independentemente de qq coisa é uma aberração.Contudo se reparmos,as campanhas são sempre viradas para a violência doméstica contra as mulheres, o que não acho certo. E as crianças e os homens, onde é que ficam?
Aqui fica um link sobre os resultados de uma pesquisa sobre a violência doméstica contra os homens que tão pouco se fala, mas que tb existe. Quem quizer dar uma espreitadela...


http://livrepensar.wordpress.com/2008/05/22/violencia-domesticacontra-os-homens/