Um café com... as férias de A Semana

4 Comments


Soaram ecos de protesto na blogosfera, inclusivé aqui no Café Margoso, contra o fecho do jornal A Semana durante o mês de Agosto, para «merecidas férias». Em primeiro lugar, é importante dizer-se que se há protestos é porque o produto é apreciado, porque se fosse uma porcaria de jornal, ninguém se importava com isso, provavelmente nem haveria ninguém que se desse conta que tinha deixado de ser publicado.

Mas como este é um espaço democrático, recebemos um comentário sobre este assunto, que vale a publicação. Porque é do contra e porque é bem fundamentado. Diz o cliente margoso assim, sobre este assunto:

«Ainda mais divertido é o que nos conta acerca de A Semana. Não conheço o jornal – deve ser bom porque o João lhe sente a falta – mas parece-me uma decisão muito acertada e bastante curiosa. Sinto-me tentado a confessar-lhe que, em meu entender, a maioria dos jornais portugueses deveriam seguir o exemplo de A Semana. Vai tudo descansar e não há seally season para ninguém…

É precisamente por estas pequenas coisas que eu acho o seu país interessante, lugar com lições de vida, país em que as pessoas têm o bom senso de não se levar excessivamente a sério, como esses simpáticos jornalistas de A Semana. Faça-me um favor, e dê-lhes notícia dos meus votos de felicidade

Pronto, o recado está dado! E esta, hein?




You may also like

4 comentários:

Teatrakacia disse...

Oh João! Quando vi o título pensei pra comigo: 'O Branco está com uma baita de ciúmes das férias do pessoal do ASEMANA. Depois de lido o post (antes comment) apetece-me concordar plenamente, pois a seally season nos jornais e revistas portugueses por exemplo, não são - a meu ver, claro - nada dignificantes. Conteúdos bem kitch, nota-se e sente-se que há páginas preenchidas um bocado à toa, sem a postura séria 'normal'. Muita palha para 'encher'...
Di modus ki... para bom entendedor...

João Branco disse...

Tchá, é como se diz, é facil falar de barriga cheia. Aposto que se o autor do comentário vivesse num país onde saem três semanários por semana, e isto é... não falaria assim. Com a oferta de revistas e jornais que há em Portugal, certamente existe muita coisa dispensável...

Agora, o que me faz falta é ler a Semana nas manhás de Sábado... Isso sim!

Anónimo disse...

Ainda a propósito das férias do A Semana: a Electra sempre foi uma desculpa esfarrapada para as férias do A Semana. Mas desta vez há uma razão de peso: dizem que a redação da Praia está às moscas. Os jornalistas debandaram todos de uma sentada (choveram pedidos de demissão nos ultimos tempos), cansados do tratamento "VIP" que la chefa dedica ao pessoal daquela casa...e está tudo em pulgas para ver quem vão ser as próximas vitimas já em Setembro.


Vamos lá ver se o caro João se atreve a publicar este comment tão do contra...

João Branco disse...

Caro Anónimo: a não ser que os comentários se direcionem para o insulto puro e simples, não vejo razão para que não possam ser publicados. Aliás, que me lembre, até hoje, nunca nenhum comentário foi aqui sensurado, e não iria esse ser o primeiro.

Quanto ao conteúdo do mesmo, enfim, pode ser que sim, pode ser que não. Mas isso não apaga a importância do semanário na história da nossa comunicação social desde há muito tempo e a sua enorme capacidade de sobrevivência, sendo hoje, como sabemos, o mais antigo orgão de imprensa escrita em Cabo Verde...