Cafeína

3 Comments


"Se essa energia que vejo gasta para demonstrar a indignação quanto ao caso, se voltasse contra a Electra e seu serviço caro e de péssima qualidade, ou a falta de saneamento nos bairros mais pobres e nem tão pobres assim, ou o estados das vias, ou as obras abandonadas, repletas de lixo e que servem de esconderijo para bandidos, a cidade da Praia estaria em condições muito melhores."

Comentário na Semana Online, a propósito deste artigo, no caso da polémica da gastronomia e hábitos alimentares crioulos (ou como a partir de um conjunto de equívocos se perde a razão por berrar alto demais)

A propósito, hoje de manhã, Domingo, comi uma cachupinha guisada no bar Katem, em plena Rua de Lisboa, sabe pa fronta. E mais não digo, porque estou em festa.






You may also like

3 comentários:

Amílcar Tavares disse...

Assino por baixo desse comentário!

Sarabudja disse...

O Homem é um bicho estranho, no mínimo.
Levanta-se e indigna-se por questões de ego, mas abdica do seu direito à indignação e manifestação da mesma em assuntos tãoooooooo mais do seu interesse.

NO que diz respeito a essa catxupa guisada: se dor de cotovelo fosse bebida, eu era um whisky: duplo. ;)

Mantenha

zito azevedo disse...

Já lá vão dezenas de anos e aínda saboreio o aroma de de uma "catchupa guizod c'ovo e linguissa" de uns pequenos (?) almoços na cidade da Praia, em casa de nha Fimá (que Deus tenha!)
Zito