Um Café no mundo da Lua

7 Comments


Algumas pessoas acham isso estranho, outras absolutamente natural. Então é assim: muito do meu humor passa pelo estado da Lua a cada momento. Quando a Lua está cheia, ou seja, quando esta nos mostra toda a sua face iluminada, sendo visível um círculo completo no céu, a tendência é para eu ser um tipo bem disposto, cheio de pujança, energia e capacidade criativa. Pelo contrário, quando está Lua nova, ou seja, quando esta não é visível do local onde nos encontramos, fico mais deprimido, triste, com uma inclinação insuportavelmente melancólica.

Não é nenhuma novidade e não só há milhões de pessoas que passam pelo mesmo como há também centenas de teorias relacionadas com este fenómeno. Umas dizem que a Lua tem uma influência enorme na carta astral, outras que é a Lua que rege e comanda o lado feminino de cada um de nós, sendo maior a sua influência naquelas pessoas cujo lado feminino tenha maior peso na personalidade, entre outras. Sabemos também que é em noites de Lua cheia que os lobisomens mais atacam, os animais mais copulam e os seres humanos de uma forma geral tem uma maior tendência para o engate, casual ou não, e com maiores probabilidades de sucesso.

Isto tudo para dizer que não vejo com bons olhos esta coisa da NASA ter programado para hoje uma explosão de um satélite numa cratera lunar e com transmissão directa pela televisão, para ficarmos a saber "de uma vez por todas", se há água ou não na Lua. De facto, o satélite LCROSS e o foguetão Centaur foram programados pela NASA para cairem com grande impacto na Lua, às 07h31 EDT de hoje, ou seja, às 10h31, hora de Cabo Verde. O local do impacto será a cratera Cabeus, junto ao Polo Sul lunar, local que os cientistas julgaram com mais hipóteses de conter vestígios de água.

"Na verdade, iremos assistir a dois impactos. Primeiro, ao do foguetão Centaur, que deverá provocar uma coluna de poeiras até 10 quilómetros de altura; os efeitos serão filmados e transmitidos para a Terra pelo satélite LCROSS, que 4 minutos depois se despenhará, igualmente, no mesmo local, provocando uma segunda explosão - embora de menor dimensão do que a primeira."

Faz-me, pois, um bocado de impressão que se façam experiências destas. Não quero deixar de poder estar no mundo da Lua, por exemplo. Nem que esta continue, altiva e senhora do seu nariz, a comandar a nossa vida sem que a gente dê por ela. E olhando para cima, penso nesta inusitada operação científica, e como os gauleses nos livros do Asterix só tenho medo que o céu me caia em cima da cabeça. Com pedacinhos de Lua a acompanhar.

Para assistir à explosão ao vivo, vai NASA: aqui




You may also like

7 comentários:

Tey Alexandre SilFonSoares disse...

Eu por acaso, sempre notei que, quando fazia uma directa na parodia... No dia seguinte reparava que a lua estava bem redondinha...

Anónimo disse...

Tenho uma dúvida: depois os senhores vão lá catar os destroços que por lá vão ficar? O ser humano é do mais rasca que há: já poluiram este planeta de norte a sul, por terra, ar e mar, e agora toca a sujar a lua e o espaço, com esses brinquedos e demonstrações de power da NASA. Um dia desse vamos todos para pqp e bem merecido.

Um abraço furioso,

Pimintinha

zito azevedo disse...

Desejo que, se encontrarem água, venha alguma para o Castelo de Bode em anos de seca...De resto, seria mais interessante que deixarem a lua em paz e gastarem a massa na busca de fontes de energia alternativa, por exemplo, ou a matar a fome de tantos milhares que morrem diáriamente à míngua de alimentos! Sejam gente, PORRA!
Zito

Anónimo disse...

Aos lunares já não lhes bastava terem que viver sem gravidade e sem oxigénio: ainda têm que gramar com os bombardeamentos terráqueos!

a) RB

Lily disse...

Estas coisas fazem-me espécie...

(...) "Mas os cientistas obtiveram muitos dados, e estão excitados como crianças com brinquedos novos. “É fantástico”, disse Jennifer Heldmann, coordenadora da campanha de observação da NASA; na conferência de imprensa que se seguiu ao impacto."

JB disse...

Tey, essa é boa. Como se fosse preciso a lua cheia para tu fazeres paródia... hehehe

Pimintinha, desde que não caiam em cima da nossa cabeça...

Zito, vai dizer isso aos americanos!

Rb, nem mais.

Lily, eles brincam e que se lixa é.... pois!

Tey Alexandre SilFonSoares disse...

Para fazer paródia... não... mas uma directa... já sim...