Um Café com Orgasmo

10 Comments



Recebi este texto delicioso por mail, com o título "obrigatório ler". Acho que concordo com isso. Por isso leiam:

"O orgasmo feminino é uma coisa da qual as mulheres percebem muito pouco e os homens ainda menos. Pelo facto de ser uma reacção endócrina, que se dá sem expelir nada na maioria, não se apresenta nenhuma prova evidente de que aconteceu tal como nos homens, ou de que foi simulado.

Diante deste mistério, investigações continuam, pesquisas são feitas, centenas de livros são escritos, tudo para tentar esclarecer este assunto.

A acompanhar este tema, deu no outro dia uma entrevista na TV com uma conhecida sexóloga, que apresentou uma pesquisa feita nos Estados Unidos na qual se mediu a descarga eléctrica emitida pela periquita no instante do orgasmo.

Os resultados mostram que, na hora H, a mulher dispara uma carga de 250.000 micro volts. Ou seja, 5 mulheres juntas, ligadas em série na hora do “ai meu Deus”, são suficientes para acender uma lâmpada. E uma dúzia é capaz de provocar a ignição no motor de uma viatura VW tipo Carocha com a bateria em baixo. Já há até mulheres a treinar para carregar a bateria do telemóvel: dizem que é só ter o orgasmo e, tchan ... carregar.

Portanto, é preciso ter muito cuidado porque aquilo, afinal, não é uma rata: é uma torradeira eléctrica!!! E se der curto-circuito na hora de “virar os olhos”? Além de vesgo, fica-se com a doença de Parkinson e com o chouriço assado. Preservativo agora é pouco: tem de se mandar encamisar na Michelin, tal como os pneus.

E, no momento da descarga, é recomendado usar sapatos de borracha, não os descalçar e não pisar o chão molhado.

É também aconselhável que, antes de se começar a molhar o biscoito, se pergunte à parceira se ela é de 110 ou de 220 volts, não se vá esturricar o chouriço...



O caso cabo-verdiano: Se em casa três (3) bairros da cidade da Praia (imaginemos, Paiol, Lém Cachorro, e Vila Nova por exemplo), houverem uma soma de 5000 mulheres ligadas em série na “hora do ai meu Deus” poderiam produzir cerca de 25000 Volts; o suficiente para iluminar os bairros por inteiro. Porquê, então, culpar a ELECTRA se temos já a solução do problema? E esta hein…..? A isto se chama apostar em energias renováveis!





You may also like

10 comentários:

Anónimo disse...

Excelente ideia para resolver o problema energético... o problema é que tendo em conta que a mulherada kriola gosta "dakela coisa", provavelmente teriamos uma sobrecarga na rede eléctrica, e voltariamos ao indesejado Black-out.
MC

Anónimo disse...

Hã, está então explicado! É por isso que a taxa de natalidade na cidade da Praia está nos píncaros da lua! È culpa da electra que nos brinda todos os dias, religiosamente, com um apagão. E para superar o "sucuru", o pessoal toca a fazer sexo, para ver se as lâmpadas acendem.Só não sei como é feita a ligação...

Pimintinha

PS: Hoje estou irritada coma Electra...

Anónimo disse...

Soncent de noite pareceria dia!

a) RB, devidamente iluminado!

JB disse...

MC, hehehe

Pimintinha, isso é normal!

RB, fala a voz da experiência? De certeza que não andas a ser enganado, como indicia a pergunta cafeana de hoje? :))

Felina disse...

Ahhhhh agora percebi porque dizem que à mulher dá à luz

Marta disse...

Isto é uma forma muito redutora de ver um acontecimento sublime... Mas tá bem.

Lily disse...

Xiii... tanto curto- circuito!!!

JB disse...

Felina, :))

Marta, sentido de humor! Fundamental...

Anónimo disse...

vou cortar as contas com a Electra e passar aacender minhas proprias lampadas...nesse caso com os multiplos...hahahahahahah
LKBV

JB disse...

Tenho que admitir que depois dessa resposta fiquei muito curioso por saber o que significam as iniciais LKBV... :))