Café Visual

8 Comments



Não sei porquê, mas esta imagem tem um não sei quê de poético...




You may also like

8 comentários:

E. F. disse...

no comments

Deamenol disse...

Tem sim... um não sei quê que comove.

Nox Lilin disse...

Sim... se considerar-se poesia, uma mulher, a vir de uma festa, tão bêbeda que já nem se aguenta de pé e uma raposa com muito frio que encontrou uma fonte muito agradável de calor, à borla.

Desculpa lá, mas tinha de escrever isto. Foi a 1ª coisa que me passou pela cabeça quando vi esta imagem.

JB disse...

Nox, estás completamente à vontade...

Anónimo disse...

Creio que a poesia da imagem consiste na solidão que se tem quando dorme, ainda que acompanhada...
Ana Morgana

mdsol disse...

Tem sim! O bicho é uma ternurinha a dormir assim sossegadinho!

:)))))))))))

Felina disse...

Se ela viesse de uma festa bêbeda não estaria tão tapadinha... esta imagem dá origem a várias leituras a primeira coisa que me veio à cabeça foi o capucinho vermelho a segunda foi o abandono

E.R disse...

é completamente falsa e isso retira-lhe a poesia: foi completamente 'fabricada'...va-se la saber que poçao deram aos animaizitos da foto...
ps: o produto teria ficado com mais qualidade se tivessem manipulado a foto com photoshop, e o fundo tivesse outra vida que emprestasse mais contraste e mais drama à imagem e ao momento; assim como é deixa-nos indecisas, especialmente a nos mulheres:)