SMS & Declaração Cafeana

7 Comments



"Nunca houve tantas oportunidades para os jovens em Cabo Verde, o problema é que os jovens não as querem aproveitar porque estão interessados em fazer outras coisas "

Sidónio Monteiro - Ministro da Juventude e Desportos, em declarações à TCV por ocasião do Dia Mundial da Juventude (fonte: aqui)


Imagem: sacada aqui


Bem, esta frase não deixa de ser interessante e se a moda pega é uma chatice. Primeiro começamos todos a pensar que "outras coisas" serão essas que os jovens cabo-verdianos tanto gostam de fazer, e devem ser "coisas" fantásticas, fenomenais mesmo, para os fazer deitar para o cesto do desperdício todas as inúmeras estradas de oportunidades que são abertas a seu favor. E perguntando "que outras coisas gostam os jovens de fazer?", acabamos pegando numa célebre música do Pedro Abrunhosa, cujo refrão nem posso mencionar aqui correndo o risco de ser acusado de demasiado ordinário. Talvez, talvez...

Já estou a imaginar alguém do mesmo peso dizer "nunca houve tantas oportunidades para os artistas em Cabo Verde, o problema é que os artistas não as querem aproveitar porque estão interessados em fazer outras coisas." As "outras coisas" dos artistas, bem essa é fácil, como são todos uns parasitas que tem como única ambição viver à custa do Estado sem fazer nenhum e pior do que isso, quando não arranjam nada melhor para fazer ficam a mandar bocas ao ministério, essas outras coisas serão certamente de uma inutilidade total, resumindo-se a sua acção à célebre expressão tanto do agrado dos bloguistas, as "masturbações mentais".

Ou outro, "nunca houve tantas oportunidades para os pescadores em Cabo Verde, o problema é que os pescadores não as querem aproveitar porque estão interessados em fazer outras coisas," sendo as "outras coisas" dos pescadores, sei lá, jogar ao txintxon nas pracetas construídas no tempo do Onésimo Silveira em S. Vicente (isto para os pescadores desta ilha, naturalmente). Enfim, não é preciso continuar, porque acho que já entenderam a ideia, não é?

Sinceramente, assim como considero um pouco inadmissível que do lado da oposição não se ouça durante meses e meses a fio uma única ideia construtiva sobre o futuro deste país, também não deixa de ser um bocado claustrofóbica esta falta de humildade política, onde nenhum membro do Governo tem o pejo de admitir que algo não vai bem no seu sector e se há problemas, sacode a água do capote, e deita as culpas para cima do vizinho ou para cima de alguém, normalmente quem está ali mais à mão de semear. Com excepção talvez, da Ministra da Justiça, que disse numa entrevista "só faltar o criminoso convidar-nos para tomar um cafezinho" (e o café não tem nada a ver com isso, diga-se) referindo-se à legislação vigente que impede a justiça de ser mais célere nos processos de investigação.

Caramba, é tempo de cada um assumir as suas responsabilidades e a parte que lhe cabe, no bom e no mau que este país tem, como qualquer outro. Dá vontade de dizer também que "nunca houve tantas oportunidades para o Governo em Cabo Verde, o problema é que o Governo não quer aproveitar porque está interessado em fazer outras coisas." Eu nunca diria uma frase assassina como essa, porque fica chato dizer isto assim, não é?




You may also like

7 comentários:

Anónimo disse...

João Branco, quando li essa do Mr.SitDown fiquei mesmo furioso. Muito bom teres mencionado isto aqui, porque vai de mal a pior. Ele pensa que pode dizer tudo?

Mr.SitDown, vai aqui uma mensagem para ti (sim, sei que visitas o Margoso)

Sou jovem, nunca fizeste nada por mim. Nem tu, nem a oposição, nem o situação(talvez nem os outros que ão de vir). Aliás fizeram sim, só asneiras. Vai mais é p..c......com as tuas insanidades(sim, leste bem).

Por exemplo, ontem é que te lembraste dos jovens do surf e bodyboard que há mais de uma década tem ido contra tudo e todos para praticar esses desportos. Já te chamei a atenção sobre isso e continuas travesso. Serão essas as outras coisas que os jovens querem fazer. Se for a isso que te referes, eles têm feito muito bem.

Pessoas como tu que tiveram essa pasta na mão deviam ficar contentes pela dinâmica que nós jovens temos neste país das bananas (desculpem lá patrícios).

No outro dia eu dizia a um amigo meu que muitos da vossa geração sr. sitdown, não querem (porque não querem) passar a tocha para os mais novos. Mas não te preocupes, nem te incomodes. Vamos nos encarregar de toma-la a força se é isso que queres(estilo caçu).

Talvez os jovens deste país deviam arquitectar um golpe de estado. Só desta forma seriam respeitados e levados a sério por inconsequentes como vocês.Sim, só isso poderia te convencer que os jovens do país tem capacidade, tem feito e vão sempre fazer pelo país.

Até parece que sempre foste este velho rabugento e nunca foste da minha idade.

Olhe que as eleições vêm aí e tu de certeza pagarás por isso. Falei e disse. Agora mexe os teus pauzinhos para veres que não dá em nada mexer neles. Comigo não podes.
Sabes muito bem. E mais! Tenho coleões jovens o suficciente para assinar por baixo,

G.Silva

PS- Agora chama lá os teus superiores para cuidarem deste novo problema vosso, eu.
Talvez isto dê até conversa de parlamento, visto não terem nada para fazer. Perdeste uma grande oportunidade de...calar a boca.

Anónimo disse...

Nunca houve tantas oportunidades *(de entrar no narcotráfico, prostituição, delinquência,etc)para os jovens em Cabo Verde, o problema é que os jovens não as querem aproveitar porque estão interessados em fazer outras coisas (tais como esperar que oS governoS pensem neles) "

- Macna de Cafe

*Hoje, muito "flipado" para colocar o K em honra do dinossauro. AlupeKistas (oops...k), culpem o colega dele.

malaguitinha disse...

Eu só tenho um único comentário a fazer sobre essa informação: pimenta nos olhos dos outros é refresco!

Pois é, é fácil crescer viver como jovem, tendo os papás como Ministro/a das não-sei-quantas. Aí não faltam opções: vida boa, carro aos 16 anos, dinheiro na bolso pa paródia, gajas/os boas, e no fim a cereja em cima do bolo, um belo curso superior com boa bolsa e um futuro emprego garantidíssimos.

Esse senhor que me pergunte em que condições cresci e estudei que lhe dava uma bela resposta!

Sarabudja disse...

Caro João ainda bem que não disse essa frase assassina. lol!!!

No que diz respeito à declaração do senhor ministro: é tempo de repensar nas medidas. Há de certo muitas e fantásticas oportunidades para os jovens cabo verdianos. Com mais certeza ainda - porque por aí estive e convivi com os jovens bem de perto- muitos deles não estão interessados em aproveitar essas oportunidades. O trabalho a ser feito é despertá-los e motivá-los.
Quando o meu filho se dedica à asneirada,eu penso em actividades que o ocupem, que o afastem, que o façam aprender.
E não desisto à primeira. É dificil, no entanto não reclamo que lhe dou oportunidades e ele não as aproveita. Faço-o aproveitar, aproximo-o delas, mostro que ele pode tirar partido delas.

Manti

PSS disse...

Já estou a imaginar a escalada de argumentos tão infantis como esta do Sr. Ministro Sidónio. E à boa maneira criola estou já a imaginar a coisa a "subir de tom" até chegar em S. Pedro. Este quando indagado por um criol "então as chuvas para Cabo Verde ? São para quando ?Responde calmamente S.Pedro "O Governo de Deus que já foi destacado várias vezes com importantes menções na ética e boa governação está a trabalhar para a Traaaaanformação do mundo. E olha, no caso de Cabo Verde nunca houve tantas chuva destinadas a essas ilhas. E a prova são as nuvens constantemente cinzentas em cima das ilhas. Mas não as querem aproveitar porque estão interessados em fazer outras coisas."

Ivan Santos disse...

daqui a pouco aparece alguem com esta, "nunca ouve tantas oportunidades para os blogueiros(bloguistas) em CV, o problema é que estes não as querem aproveitar porque estão interessados em fazer outras coisas"...rsrssrs
outras coisas:informar,esclarecer,opinar,criticar,partilhar,debater,discutir,etc etc etc...
uma salva de palmas para os blogs cvs...e de pé!

zito azevedo disse...

Todos temos direito à indignação...Mário Soares dixit e a frase ficou célebre! Assim explicada a indignação geral como a exteriorização de um direito democrático-socialista, interrogo-me sobre se vale a pena...É que, como todos nós sabemos, para os políticos, do governo ou da oposiçao, A CULPA SERÁ SEMPRE DOS OUTROS !
Zito Azevedo