Plágio 35: Barriga é Barriga

9 Comments


Encontrei este texto do jornalista brasileiro Arnaldo Jabor e que mesmo indo no sentido contrário do que toda a gente sabe, não deixa de ser bom de se ler para quem largou o ginásio há alguns meses por falta de tempo e, mais decisivo, por pura preguiça. Foi um bom momento para atenuar os meus problemas de consciência, sendo certo que o facto de não ter carro e me deslocar a pé para todo o lado - o que numa cidade como o Mindelo não é nenhuma proeza por aí além, diga-se de passagem - também ajuda a compensar este período mais tranquilo, para não lhe chamar outra coisa. 

Então é assim

Barriga é barriga, peito é peito e tudo mais. Confesso que tive agradável surpresa ao ver Chico Anísio no programa do Jô, dizendo que o exercício físico é o primeiro passo para a morte. Depois de chamar a atenção para o fato de que raramente se conhece um atleta que tenha chegado aos 80 anos e citar personalidades longevas que nunca fizeram ginástica ou exercício – entre elas o jurista e jornalista Barbosa Lima Sobrinho – mas chegou à idade centenária, o humorista arrematou com um exemplo da fauna: A tartaruga com toda aquela lerdeza, vive 300 anos. Você conhece algum coelho que tenha vivido 15 anos?

Gostaria de contribuir com outro exemplo, o de Dorival Caymmi. O letrista compositor e intérprete baiano era conhecido como pai da preguiça. Passava 4/5 do dia deitado numa rede, bebendo, fumando e mastigando. Autêntico marcha-lenta, levava 10 segundos para percorrer um espaço de três metros. Pois mesmo assim e sem jamais ter feito exercício físico viveu 90 anos.

Conclusão: esteira, caminhada, aeróbica, musculação, academia? Sai dessa enquanto você ainda tem saúde… E viva o sedentarismo ocioso!!! Não fique chateado se você passar a vida inteira gordo. Você terá toda a eternidade para ser só osso!!!

Então: não faça mais dieta! Afinal, a baleia bebe só água, só come peixe, faz natação o dia inteiro, e é gorda!!! O elefante só come verduras e é Goooooordo!! 

Viva a batata frita e o chopp!!

Você, menina bonita, tem pneus? Lógico, todo avião tem!
E nunca se esqueçam: ‘Se caminhar fosse saudável, o carteiro seria imortal


Via: aqui






You may also like

9 comentários:

Catarina Cardoso disse...

Contra factos não há argumentos!

Esta destrói todas as teorias propaladas nos últimos 20 anos sobre saúde, longevidade e beleza.

Bem haja Arnaldo Jabor e a ti João que o publicaste!

Elsie disse...

Belo consolo para os preguiçosos!!! Mas convém a malta não ir nessa porque a % de pessoas obesas no mundo já atingiu números preocupantes.

João Branco disse...

Pois, Catarina, pensei eu o mesmo quando o li!

Elisie, entre obeso e com barriga vai uma distância abismal! :)))

Anónimo disse...

Adoro este tipo de raciocinios que deitam por terra todos os exageros, dogmas e radicalismos. Viva a vida!

Anónimo disse...

João mto obrigada, pq sinto menos mal depois dessa!hahahahah
Ando "preguiçosa", mas afinal estou no caminho certo!hahahah
Arnaldo J e a sua eterna sabedoria (on paper)pelo menos;-)

Bj pra ti

dois "enes":-*

Tina disse...

Já não é a primeira vez que leio textos defendendo o mesmo ponto de vista. Desculpem lá os que defendem a barriguinha, mas só quando me apresentarem um estudo devidamente fundamentado é que poderei acreditar. É na barriguinha que se concentram as gorduras que fazem mal à saúde, principalmente aos homens. Como os genes contam muito, digo-vos que a minha mãe caminha muito e tem quase 83 anos. As minhas avó e bisavó também morreram tarde e andavam sempre a pé. Bem, se tivessem problemas de coluna, como eu, saberiam que se não fosse o ginásio (sem exageros!) o meu corpo não saberia o que é flexibilidade. Ginásio, porque não tenho a sorte de ter tudo à mão como em Mindelo. Inveja!

Lily disse...

O poder das palavras é fantástico ( e o da pontuação também, faz-me sempre lembrar o caso da vírgula dos 120 mil contos!).
Nós gostamos é de ouvir, ou ler, neste caso, aquilo que nos interessa!!!! eheheh
Entre obeso e com barriga, pode ir realmente uma grande diferença (pelo menos em termos estéticos), mas em termos de risco cardiovascular, os obesos e os magros com barriga, têm ambos risco igualmente aumentado...
(e infelizmente a pança, não precisa de ser muito grande para indicar risco para o coração)...
Coisas da vida...

João Branco disse...

Oh Tina, não acabes com a nossa sabura! hehehe

Guy Ramos disse...

Ja-N foi atleta magrin, muskulode ka tinha desporte ke era demas pa min. Ate N ter un lezaun na juelhe ke ate dia de oje ta rabenta ke min.

entretante n ten 130 kile y n ta vive mas trankuil y mas felis du ki kond N tinha de estode ta korre de eskola pa traboie pa gimnaze, ta korre na rua na mei de korre, leva pankadas ter dores muskulares, lezoins na korpe inter y pok tenp pa nha vida susial y intelektual.

Txa-me nha barriginha. Depos se N ben konta tude mumente des de ke N komesa ta anda ate nha morte y n dedika tude dia a desporte n ta perde 5 one de nha vida. Se N morre kon 70 e kome se N tives murride kon 65. unton pa ke ke kes 5 one de desporte foi nesesare?

Nha pai tinha nha pustura, ainda ele e vive ma el teve un asidente kel kema 60% de se korpe. se el fose magrin ja-N ka tinha pai.

nha konkluzau mute pesual: vida e gozode y tude u ki e de mas fas mal fora nha barriginha sexy. Mi n ten mas jent ta karinha-me nha barriga du ki un atleta ke ses 8 xuklatin. Tude jent ta korre-me mon ta dze-me. Mose bo ta fufin. Ma N ten 1,87m pur ise nha peze ka ta parse mut izajerode.