Um Café com a Professora

14 Comments




Foi notícia nos últimas dias por aqui: uma professora que posou para a revista Playboy foi afastada das actividades lectivas e transferida para um serviço «onde não tem contacto com os alunos.» Acho mal. Em primeiro lugar, é preciso esclarecer que não se trata de uma professora qualquer, mas sim de uma professora de Actividades Extra Curriculares do 1.º Ciclo do Ensino Básico.E depois não se admirem que a educação esteja no estado em que está!

Entretanto, a Câmara Municipal, responsável por este género de contratação já anunciou que o contrato da professora, de 25 anos, não será renovado. Um outro representante camarário faz outras revelações: que a autarquia foi obrigada a tomar uma medida por causa do “alarme social” provocado pela notícia e por causa do “ambiente desagradável” que se instalou na escola de Torre de Dona Chama, onde referiu que os alunos trocavam fotocópias das fotografias e alguns colegas a começaram a olhar de lado.

Duas coisas rápidas, em jeito de comentário: com o nome da escola, ficou parte do mistério explicado. Esta é uma professora ideal para estar numa escola designada «de Torre de Dona Chama»! Queriam o quê? Além de que, como já li noutros locais, a revista Playboy hoje não tem como público alvo os homens da mesma idade que há 20/30 anos andavam quilómetros para comprar a revista e a escondiam debaixo do colchão da cama. Já não interessa. Para isso - e muito mais, à escolha do freguês - há a televisão por caso e, principalmente, a Internet. O público alvo é mesmo aquele. A escolha da professora modelo é tudo menos inocente.
 
Dúvidas: por causa da professora, a revista esgotou há três semanas em Mirandela, concelho da escola, os alunos trocaram fotografias por telemóvel e até fotocópias e os pais ficaram preocupados. «Preocupados», dizem eles! Este faz me lembrar um outro caso de uma célebre pequena cidade cujas esposas ofendidas se juntaram para expulsar as mulheres profissionais das casas de alterne, lembram-se? 

Seja como for eu não me importava nada que todas as professoras do ensino básico e primário fossem assim, como esta, completamente despidas de preconceitos. E pronto, agora quem insinuar que eu estava mesmo à espera de uma notícia como esta como pretexto para publicar uma mulher toda descascada no Café Margoso está, hum, completamente enganado!




You may also like

14 comentários:

Anónimo disse...

"mulher descascada", credo JB, que expressão horrorosa.....
mas sim, gostas de publicar mulheres....digamos....hum....com muitos atributos e pouca roupa! nada contra. sou adepta de que cada deve mostrar o melhor de si. único senão: não te lembras que metade da tua clientela é feminina!!!! ou será que continuamos na hipocrisia que mulher não precisa desses colírios?
todo esse palavreado para te dizer ( agora sim sem rodeios) nós também queremos ver homens bonitos no blog. pode até ser "descascados".kkkkkkkkkkk

Anónimo disse...

professora "boa".
Trás-os-montes no seu melhor

zito azevedo disse...

E como fica Aristoteles e o seu IN MEDIO STAT VIRTUS ?!

Anónimo disse...

Mas porque é que no meu tempo não havia actividades extra-curriculares?

a) RB

JB disse...

Anónima, se houver algum professor a pousar dessa forma, podes contar com a publicação!

Anonimo II, deve ser adepta do Chaves, será?

Zito, tenho que começar a ter aulas de latim para entender os teus comentários!

RB, pois não, Nem no teu nem no meu! :)

zito azevedo disse...

JB, ele há anedotas que só têm piada contadas em crioulo...e o "meu latim" não passa daquelas frases feitas que todos aprendemos no Liceu (Gil Eanes e outros)!

Amendes disse...

Preferivel a professora toda descascada à ministra-Educaçao toda vestida!!!

Lily disse...

Mulher descascada?!?...parece-me uma figura de estílo... muito "frutífera"...

Já o estou a ver a querer voltar aos bancos da escolinha... e já agora a cantar:
"ó tempo, volta pra trás"
eheheh
;)

Amílcar Tavares disse...

Em Portugal a tendência tem sido esta: indignação por causa de uma professora que apareceu nua numa revista masculina e regozijo quando um corrupto condenado em tribunal ganha uma Câmara Municipal. E ainda se admiram porque estão no recto da Europa...

zito azevedo disse...

Senhor Amilcar, se Portugal estivesse no recto da Europa esta estaría a sofrer de prisão de ventre o que não parece ser o caso
pois o alimento não tem sido abundante antes,tem sido muitíssimo mmenos abundante do que o numero de corruptos municipais, de norte a sul e de este a oeste, de todas as europss de que a gente se possa ou queira lembrar...

EH disse...

hahahahaha
oh JB adoro esse teu estilo.. "descascado" de preconceitos!! fazes bem!!! eh isso que da ao teu blog e 'as tuas palavras a "humanidade" que falta a tantos blogueiros, colunistas, etc por ai, e q faz com que a leitura fique muito mais agradavel!!!

Anónimo disse...

O mal da Brunas é que elas são todas BOAS. A Lombarde, a de Mirandela...

ducana disse...

Tu não imaginas o esforço que eu fazia, para ver um pedacinho do joelho da professora Gessy, por debaixo da mesa... Toda hora derrubava o lápis no chão. E o medo que ela percebesse o meu olhar curioso, cheio de libido?! Então vieram os tempos modernos, como ser contra? Os puritanos de hoje, tenho certeza, são mais devassos que os de antigamente. E mais nocivos também... Queria estudar nessa escola da Dona Chama, com a professora descascado, porém com casca, né?! Pra aula poder rolar...
duCANA
Brasil/RS/Livramento

Felina disse...

Estou na duvida se esta polémica toda foi fruto da hipocrisia ou se foi invejaaaaaaa