Cafeína

0 Comments




"E se acabarmos por estabelecer que, longe de caminhar para uma meritocracia, a sociedade Cabo-verdiana está a reforçar os seus mecanismos pré-modernos e corporativos de seleção social? Nesse caso, é doido quem decidir investir na qualidade técnica e ética do seu desempenho profissional. O grande perigo é que se procedermos com o atual desinvestimento – tanto individual como coletivo – na competência e no conhecimento, Cabo Verde sofrerá a curto prazo uma descapitalização intelectual e organizativa com repercussões gravíssimas para as suas perspetivas de gestão. Ou seja, por este andar, daqui a alguns anos, estaremos a governar a economia e o país com a kokorota da panela do mérito."

Rosário da Luz in Kokorota (aqui, o artigo completo)




You may also like

Sem comentários: